30-03-18

Conheça o Farol Santander

Inspirado no Empire State, e servindo como sede para o Banco do Estado de São Paulo (Banespa),  o edifício Altino Arantes fica localizado no Centro de São Paulo, e por anos a fio, foi o prédio mais alto de São Paulo (perdeu esse título para o Condomínio Mirante do Vale). O Banespa, foi comprado pelo Santander, logo o edifício passou a fazer parte do grupo.

São Paulo não é São Paulo se não tiver chuva

Com 36 andares, e 11 andares abertos para visitação o Farol Santander conta com vivências únicas, que são divididas em três grupos: memória, experiências e exposições. Vem conhecer:

Memória

O edifício passou alguns anos aberto apenas para o Mirante, e cá entre nós: já compensava muito. O mirante fica no 26º andar, a uma altura de 160 metros. Lá, você pode ver a cidade em 360 graus, a Serra do Mar, do Pico do Jaraguá, Avenida Paulista e o Centro.
Mirante do Farol Santander
A visita começa no segundo andar, onde você é levado para a Sala Vermelha. Em uma sala toda espelhada um vídeo de três minutos é mostrado, onde você conhece a história do edifício, desde sua concepção até os dias atuais.

O terceiro andar e o quinto andar, são como túneis do tempo. No terceiro andar, é mostrado um pouquinho de como o Banespa funcionava, e o quinto andar há quadros de todos os presidentes do banco, e eles mantiveram a sala da presidência e a sala de reunião, que passa áudios como se estivesse ocorrendo uma reunião mesmo!

Respectivamente, sala do presidente e sala que parece do Game of Thrones, mas é a sala de reunião

Experiência

Pista de skate dentro do Farol Santander

No  22º andar, há uma pista de skate. Isso mesmo, você não leu errado: dentro do Farol Santander, há uma pista de skate. Você pode andar de skate e apreciar uma vista do caramba, por um precinho eu diria, até que amigo: R$30,00 por 1 hora, você pode pegar equipamentos fornecidos pelo Farol Santander, ou levar os seus equipamentos.

E, imagina só passar uma noite no 25º andar do Farol Santander? Você pode, por um preço bem salgado: R$ 1.243,00.  Caso você seja mais o$tentação, você pode ver aqui (e me chamar também, poxa).

Exposições

O Farol Santander, tem um espaço reservado nos andares 22 e 23 para as exposições. Eu não poderia deixar de citar a experiência que tive no 23º andar, com a instalação The Day We Left Field, (em tradução literal: o dia que deixamos o campo) do coletivo russo Tundra.  A sala é toda preta, e a luz fica por conta de uma relva, que não está no seu lugar habitual, no chão, e sim no teto. Sons que  beiram ao sinistro são reproduzidos na sala, e você é convidado a se deitar para ter a experiência completa. A instalação faz alusão entre o equilíbrio humano e o desumano, despertando oposições binárias como o sintético e o natural, o real e o virtual, o humano e a máquina (GEUSA, Antonio). Palavras não podem explicar a experiência, mas talvez um gif sim:

As exposições ficam disponíveis por tempo limitado. Você pode saber mais aqui.

Mesmo que você não entenda de arte, e não saiba bulhufas de arquitetura: é demais. E, eu recomendo MUITO a visita completa. Se, é de São Paulo, porque ainda não foi? Se está passando uns dias por aqui: vai sim. Eu juro que são duas horinhas, e é uma experiência única.

O Farol Santander fica na Rua João Brícola, 24. Os ingressos custam a partir de R$10,00, e você pode comprar antecipadamente aqui ou na própria bilheteria.

deixa um pouquinho de você comigo 💕
  1. em 03/04/2018

    Nossa que post legal, amo minha cidade e tudo que tem nela, que lugar histórico é legal de ver cada pedacinho dele adorei. Beijos obrigada por compartilhar.

  2. em 03/04/2018

    Que bacana seu post sobre o Farol Santander, não conhecia ainda. Achei bem interessante, é uma pena ser por tempo ilimitado. Eu gostaria de conhecer 🙁 Mas, infelizmente sou de leme-sp. Ah, seu blog é lindo!

  3. em 04/04/2018

    Aaaah, que legal, nunca tinha ouvido falar, mas achei bem interessante! Os ingressos nem são caros, para falar a verdade. Fiquei é com vontade de andar na pista de skate! E eu adoro arte, acho que adoraria dar uma passeada pelas exposições, deve ser legal demais! Adoreii!

  4. em 04/04/2018

    Não conheço SP pessoalmente mas sei que é um lugar onde exala cultura e tem muitos museus,prédios históricos…Adoro esse tipo de exposição e deve ser incrível ir em uma exposição no meio da cidade dentro de um arranha céu…A experiência parece ser maravilhosa e essa pista de skate dentro do prédio é algo muito inusitado

  5. em 04/04/2018

    Com certeza é um experiência única, eu fui lá quando era criança, ou seja quando era do Banespa. O de ler este artigo que posso ir a este lindo arranha-céu ao preço de R$10,00 e quem sabe relembrar alguma coisa que eu vi quando pequena. Parabéns em falar de uma grande obra da cidade de São Paulo.

  6. em 04/04/2018

    Que incrível esse lugar. Sou de São Paulo mas ainda não conheço..pode acreditar!..rs.. Fiquei super curiosa pra ir, conhecia somente pelo lado de fora, nem imaginava isso tudo. Parabéns pelo post e por nos mostrar um pouco da Cidade.

  7. em 04/04/2018

    Que post interessantíssimo! Nunca eu ia imaginar que um prédio em S]ao Paulo teria tantos atrativos, turísticos eu diria! Muito bom saber disso!

  8. em 09/04/2018

    Que interessante, realmente amei muito conhecer um pouco sobre o farol. Quem sabe um dia eu apareça por lá.

    Beijos do Deivy!
    http://www.blogdodeivy.blogspot.com

  9. em 16/04/2018

    Olá, boa noite!!

    Não conheço muito SP, mas o pouco que conheço já amo.
    Gosto de conhecer lugares diferentes, vou anotar para quando for novamente para SP visitar..

    Um beijo,

    My Pure Style x My Instagram x My Facebook